Monitor de deflexão

Da Ontopsicologia

Índice

Termos da definição

Latim moneo, monitor = que sugere, que corrige, que censura, que notifica[1].

Latim deflecto = desviar, mudar a estrada, virar para outro lugar.

A descoberta do monitor de deflexão

Para conhecer a história da pesquisa que levou o cientista Antonio Meneghetti à descoberta e descrição do monitor de deflexão, bem como a extensa bibliografia por ele utilizada, é fundamental consultar a monografia O monitor de deflexão na psique humana, também disponível em português.

O processo perceptivo-cognitivo

O monitor de deflexão age antecipando e defletindo a reflexão da consciência. Isso é possível enquanto o conhecimento humano advém por meio de três momentos:

  1. A percepção exteroceptiva: é o mundo das percepções externas que tocam o corpo e se baseia sobre os cinco sentidos. Diz respeito a qualquer variação interna e externa ao organismo.
  2. A percepção proprioceptiva é qualquer estimulação sensorial que se torna informática única para o organismo. É a realidade que quer aquele sujeito enquanto Eu, pessoa. Proprioceptividade quer dizer recepção unívoca da relação objetual por parte do indivíduo senciente;
  3. A percepção egoceptiva ocorre quando a informação investe o Eu. É a percepção egóica: o quanto selecionado pelos dois níveis precedentes vem referido ao Eu consciente voluntário e operativo. A informação total atinge o Eu; em consequência, o Eu é implicado a uma responsabilidade. Naquele ponto, trata-se de decidir.

Antes da terceira fase, ocorre a interferência do monitor de deflexão.

Constata-se, de fato, uma egoceptividade "reduzida", que não reflete o total estero e próprioceptivo (cfr. vídeo "O que é Ontopsicologia?").

Definição

O monitor de deflexão é um programa acumulado no interior das células cerebrais que age com interferência especular, antecipando e defletindo a percepção egoceptiva sobre a base de uma imagem dominante impressa durante o momento de aprendizagem da vida: a infância. Sucessivamente, o monitor renova continuamente estas imagens, por meio dos sonhos, dos estereótipos, das instituições, da cultura selecionada.

Deflexão significa que não repete a imagem referente ao objeto, mas que altera, segundo o programa prefixado, qualquer sinal que reflete o real. Ao invés de projetar especularmente (refletir), desvia segundo temática imposta no receptor (deflete).

Externamente, o monitor de deflexão identifica-se com:

Referências

  1. MENEGHETTI, Antonio. Dicionário de Ontopsicologia. 2 ed. rev. Recanto Maestro: Ontopsicologica Editrice, 2008. ISBN 978-85-88381-41-4
  2. MENEGHETTI, Antonio. O monitor de deflexão na psique humana. 5 ed. Recanto Maestro: Ontopsicologica Ed, 2005. ISBN 85-88381-20-6

Ligações externas

Ferramentas pessoais