OntoArte

Da Ontopsicologia

Toda a visão ontopsicológica é tendencial à OntoArte[1], que significa:

"Fazer signo estético em conformidade com a intencionalidade do Em Si ôntico" [2].

OntoArte é a recuperação metafísica da existência, ou seja, delinear aquele concreto que uniforma verdade, beleza e ação na criação contínua.

Na OntoArte, o signo coincide com o vivente da intuição.

É uma arte que nasce de dentro do Ser e se joga[3].

Protagonista natural é o homem sem mitos, aquele que amadureceu a dimensão ética da própria urgência ôntica.

É ação viva sem memes.

Ver também

Referências

  1. MENEGHETTI, Antonio. Dicionário de Ontopsicologia. 2 ed. rev. Recanto Maestro: Ontopsicologica Editrice, 2008. ISBN 978-85-88381-41-4
  2. MENEGHETTI, Antonio. OntoArte: O Em Si da Arte. Florianópolis: Ontopsicologica Ed, 2003. ISBN 85-88381-07-9
  3. MENEGHETTI, Antonio. OntoArte: A Arte do Ser. Porto Alegre: ELO, 2000
Ferramentas pessoais